Audácia do Google

Última sexta-feira de setembro. Acordei, levei minha filha ao colégio e, voltando para casa, liguei o computador. Queria conferir a publicação do texto do dia, encaminhá-lo à minha lista de contatos e compartilhá-lo no facebook. Até aí, tudo bem. A surpresa aconteceu quando, um pouco depois, precisei fazer uma pesquisa na web. Dei de cara com o doodle do dia 27 de setembro:

Doodle em 27 de setembro de 2013

Doodle, para quem não sabe, é aquele tipo de rabisco que fazemos nos momentos de distração, enquanto falamos ao telefone, durante uma reunião ou uma aula pouco interessante. Quem nunca teve um colega que elaborava geniais caricaturas de professores? Pois quem faz uso constante do google, já está acostumado a acompanhar as mudanças no logotipo da famosa página de busca, feitas sob medida para homenagear uma data ou alguém especial. Há pouco tempo, fiquei encantada com o doodle comemorativo do 151º aniversário de Claude Debussy. Interativo, ao se clicar sobre a imagem iniciava-se um lindo passeio de barco com direito à trilha sonora do compositor homenageado:

152º aniversário de Claude Debussy, em 22 de agosto de 2013

O conceito de doodle  como mencionado surgiu em 1999 e expressa muito bem o espírito criativo e inovador da empresa. Em uma pesquisa no google (onde?!) descobri que já foram criados mais de 300 doodles para o site www.google.com, nos Estados Unidos e mais de 700 no resto do mundo.

Sou fascinada por esses pequenos detalhes. E não é só o google que prepara esses tesouros. Presto bastante atenção aos créditos de “Os Simpsons”, onde, muitas vezes, os nomes dos artistas são alterados para criar alguma ligação com o tema do episódio. Assim, se a história gira em torno de vampiros, o diretor pode ser apelidado de Drácula de tal, o roteirista de Nosferatu de tal e por ai vai. Fico imaginando o quanto as pessoas envolvidas se divertiram bolando aquelas pequenas modificações que nem todo o público notará.

Fico morrendo de inveja desse povo criativo e sonhando com o dia em que poderei mudar a aparência de meu blog todo dia, de acordo com a fase da lua, a estação do ano ou qualquer outro critério que possa imaginar.

Sempre que vejo um novo doodle, passo a ler sobre o assunto do dia. Alguns temas me são muito familiares, outros, totalmente estranhos, mas todos, sem exceção, muito interessantes. Tentei elaborar uma pequena compilação de alguns dos meus doodles favoritos, mas a minha concepção de “pequena” foi alterada pelo desejo de compartilhar essas joias, como aquele que homenageou um de meus pintores prediletos:

152º aniversário de Van Gogh em 29 de março de 2005

Algumas datas comemorativas são tema dos doodles, como o dia do professor:

Dia do professor

A versão de Taiwan para o dia do professor é linda:

Dia do professor

Já o primeiro dia de aula, traz elementos familiares a todos os estudantes do mundo:

Primeiro dia de aula

As homenagens a grandes artistas são impecáveis, como a belíssima referência à bailarina argentina Olga Ferri:

85º aniversário de Olga Ferri

85º aniversário de Olga Ferri

Ou o doodle animado com a dança moderna de Martha Graham:

117 anos de Martha Graham

A leveza de Anna Pavlova:

131 anos de Anna Pavlova

Se a ideia é homenagear o ballet,  o compositor do Lago dos Cisnes e do Quebra Nozes, Piotr Ilitch Tchaikovsky, não pode ser esquecido:

170 anos de Tchaikovsky

Ou o criador da Sagração de Primavera, Igor Stravinsky:

Igor Stravinsky

A maravilhosa música brasileira é representada pelo maestro Heitor Villa Lobos:

Heitor Villa Lobos

Antonio Carlos Jobim e a beleza da bossa nova:

Antonio Carlos Jobim

E Luiz Gonzaga, rei do baião:

Luiz Gonzaga

A realização de eleições pelo mundo afora foi representada:

Eleição na República tcheca

E também nessa versão:

Eleições da Áustria

A independência do Brasil não ficou de fora:

Independência do Brasil

Lembrando o emocionante e histórico discurso de Martin Luther King (“Eu tenho um sonho de que um dia esta nação se levantará e viverá o verdadeiro significado de sua crença – nós celebraremos estas verdades e elas serão claras para todos, que os homens são criados iguais.”):

50 anos do discurso “Eu tenho um sonho…”

O esporte, presente em todas as culturas, e os atletas, sempre lembrados e admirados, apareceram em homenagens ao ciclismo:

100º. Tour de France

Futebol:

Futebol

Basquetebol:

Basquetebol

Nado sincronizado:

Nado sincronizado

Até o gol de bicicleta de Leônidas da Silva apareceu:

Centenário de Leônidas da Silva

Grandes cientistas também foram lembrados, como o físico Erwin Shrodinger e suas contribuições à mecânica quântica:

126 anos do nascimento de Erwin Schoringer

O matemático Leonard Euler:

306 anos de Leonard Euler

Isaac Newton, a maçã e a lei da gravidade:

367 anos de nascimento de Sir Isaac Newton

A brilhante cientista Marie Curie, ganhadora do prêmio Nobel de Física em 1903 e de Química em 1911:

144 anos do nascimento de Marie Curie

O físico dinamarquês Niels Bohr:

127 anos de Niels Bohr

Ou Albert Einstein:

124 anos do nascimento de Albert Einstein

O início de Inverno:

Inverno

E a chegada do Verão:

Verão

Com tanta imaginação, criatividade e brilhantismo, há uma coisa que não se explica. Como é possível que o google, site de busca tão eficiente, faça aniversário no dia 27 de setembro e não tenha ainda feito um doodle em homenagem aos santos Cosme e Damião?

É… Esse povo do Vale do Silício pode fazer melhor, deixar de lado essa bobagem de balão colorido, bolinho e velas e presentear os seus usuários com um logotipo inspirado nas delícias da culinária baiana e na beleza do nosso sincretismo religioso. Com direito a caruru, vatapá, xinxim, moqueca, acaçá, banana da terra frita, farofa de azeite, acarajé, abará, cana, rapadura, pipoca e o que mais os orixás ordenarem…

Como sou muito boazinha, vou dar uma mãozinha aos gringos, apresentando algumas imagens inspiradoras:

(Fonte:4.bp.blogspot.com)

Ou…

(Fonte: ibahia.com)

E mais…

(Fonte: ibahia.com)

Ou ainda:

(Fonte:ralandoapanela.com.br)

Fica a dica…

 

 

 

4 ideias sobre “Audácia do Google

  1. “Assim nascem as grandes receitas”. Lembra Tereza?
    Márcia, adorei! Você é muito informada!
    Que coisa incrível é o computador!
    Você está certa. Cadê Homenagem a Cosme e Damião?
    Beijos.

  2. Márcia
    Você é demais! Como pode descobrir tantas coisas?. Eu já tinha notado os Doodles, mas não tive o cuidado de pesquisar.
    As coisas acontecem porque sempre há alguém com curiosidade querendo saber mais. Assim surgiram as grandes descobertas da humanidade.
    Abraços de Terezinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 4 =