Dia das Mães, por Rita Mussi

Nesta última quarta-feira, dia 08 de maio de 2013, recebi uma mensagem de Rita Mussi, filha da muito querida Wanda Mussi, amiga de minha avó e de minha mãe, escritora de muito talento que já tive o prazer de publicar neste espaço. Rita compartilhou seu desejo de publicar um texto em homenagem a sua mãe e eu, às vésperas do Dia das Mães, fiquei muito feliz em poder participar de tão belo presente.

foto: www.essaseoutras.xpg.com.br

“Aos meus queridos irmãos…

                           Pelo Dia das Mães!

Era uma vez uma criança linda, forte, corada, com olhos graúdos e sonhadores. A sua chegada ao mundo foi de forma curiosa, mas divina…

Como toda criança, Deus a enviou para o mundo como um presente, mas o curioso é que ela foi, literalmente, empacotada como presente em uma caixa com laços de fita e entregue nas mãos da criatura que, apesar de não lhe ter dado a luz, foi premiada para ser a sua mãe. Sim, premiada sim, pois receber uma tão linda menina, um ser tão iluminado como ela, é realmente um prêmio!

A esta criança foi dado o nome de Wanda, Wanda Mussi, nome lindo e forte como ela!

A menina cresceu… E de repente esta menina, por desígnios de Deus, tornou-se mãe de seis crianças… Enfrentou muitas dificuldades, tristezas, frustrações de sonhos perdidos no tempo. Matava um leão por dia pelos seus filhos e os criou com muito amor e dedicação, sempre se preocupando em formar pessoas de caráter e realizadas. Mesmo vivendo dias difíceis estava sempre contemplando o céu, o mar e tudo que Deus nos oferece de maravilhoso.

É, Wanda… Que força! Que poder! Que coragem! És uma mulher de aço, mas dona de um enorme coração!

Faço parte desta turma de seis! E é com muito orgulho que digo:

Wanda Mussi é a minha MÃE !

Noites e mais noites sem dormir, coração pulsando de alegria e dor. É dela, o mérito do sucesso que se diz nosso! Pois, soube transmitir, com seu amor, sem buscar descanso, a garra de luta e a grande vontade de vencer!

Como podemos fazer um só dia especial para nossa mãe, se todos os dias ela é especial para nós? Como podemos lhe surpreender, se nos conhece totalmente e nos ama eternamente? Como podemos ser independentes, se precisamos e a queremos sempre do nosso lado?

Lembrem-se! Todos nós seremos sempre crianças, enquanto tivermos uma mãe a quem recorrer.

Não podemos nos esquecer da dedicação, do carinho, enfim, do grande amor que Wanda nos criou. Ela que fazia o pão caseiro para sobrar um trocado para aquele filho que estava precisando, no momento, de um material escolar, de uma roupa ou qualquer outro desejo; Ela que acordava bem cedinho para preparar nosso desjejum; Ela que saia debaixo de chuva em busca de soluções para nossas necessidades; Ela que passava noites acordada com o terço na mão, orando por nossa proteção; Ela que enfrentava estradas, dias e mais dias, só para matar a saudade daquele filho que estava tão longe!

Devemos olhar para trás com gratidão e tudo que fizermos por Wanda, jamais chegará à terça parte do que ela fez por nós! Tudo que fizermos por Wanda é pouco, muito pouco pelo que ela merece! Tudo que fizermos por Wanda, não estamos fazendo favor e sim uma obrigação; Tudo que fizermos por Wanda, deve ser feito através do mais sublime e puro amor…

A gratidão é a maior medida do caráter de uma pessoa. Uma pessoa grata é uma pessoa fiel, não abandona, reconhece e jamais esquecerá a devoção e o amor de uma mãe!

Eu, Rita (Pedagoga), tenho a certeza que todos vocês, meus irmãos: Lucinha (Nutricionista); Dedé (Engo. Civil); Mussi (Coronel & Administrador); Lourdinha (Artísta Plástica) e Marilú (Enga. Civil) comungam deste mesmo pensamento, portanto, peço que sempre olhem para trás e lembrem de todo caminho percorrido observando a presença constante de Wanda em nossas vidas! Chegou a hora, mais do que nunca, de demonstrarmos a nossa gratidão por todo o seu feito. Aos 86 anos, ela merece paz, muito carinho, atenção, alegria e paciência… Sim, paciência, agora, com aquela menina que citei lá no início deste texto, que está retornando para nós através de seus cabelos grisalhos e seus olhos, ainda, sonhadores!

Feliz Dia das Mães, meus queridos irmãos!”

foto: arquiteturapaisagismo.blogspot.com

FELIZ DIA DAS MÃES A TODOS!

foto: www.criativatelemensagem.com.br

3 ideias sobre “Dia das Mães, por Rita Mussi

  1. Ritinha so hoje pude ver o seu texto publicado nesse espaço tão maravilhoso que é o de Marcia. Quando você me enviou, chorei muito, quando releio choro muito e hoje, agora….. chorei muito, pois NOSSA MÂE é tudo isso e muito mais. Quando fomos adolescentes fizemos malcriações e peraltices, hoje peço perdão se algum dia a magoei, (sei que sim), e tento com toda a minha gratidão devolver a ela nem que seja um pouco do carinho, cuidado e atenção que ela teve por mim. Amor??? esse sim nunca foi, nem é e nem será o bastante do que ela merece, pois NOSSA MÂE é especial e muito mais…………….. AMO DE PAIXÂO!!!!!!!!

  2. Muito bonito o texto. Fiquei emocionada, principalmente por conhecer e gostar muito da homenageada . Ela é uma pessoa muito especial. Além de ótima mãe, é também excelente amiga.
    Parabéns D. Wanda.

  3. Lindo o texto e emocionante a homenagem. É maravilhoso ter a oportunidade de agradecer o privilégio de ter uma mãe tão especial. Parabéns aos filhos e, principalmente, a essa tão amada mamãe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 6 =